Que a mente concorde com a voz

Para que essa oração seja algo próprio de cada um dos que nela participam, e se torne fonte da piedade e da multiforme graça divina, e alimento da oração individual e da ação apostólica, é preciso que nela a mente […]

Ápice e fonte da atividade pastoral

Portanto, aqueles que tomam parte na Liturgia das Horas fazem crescer o povo do Senhor, através de misteriosa fecundidade apostólica. Pois, o objetivo da atividade apostólica é “que todos os que se tornaram filhos de Deus pela fé e pelo […]

Súplica e intercessão

Na Liturgia das Horas, além de louvar a Deus, a Igreja transmite a ele os sentimentos e desejos de todos os fiéis cristãos. Mais ainda: pede a Cristo, e por ele ao Pai, pela salvação do mundo inteiro. Essa voz […]

Louvor prestado a Deus, em união com a Igreja celeste

Na Liturgia das Horas, a Igreja, exercendo “sem cessar” a função sacerdotal de sua Cabeça, oferece a Deus um sacrifício de louvor, isto é, o fruto dos lábios que glorificam o seu nome. Esta oração é “a voz da Esposa […]

Santificação do homem

Na Liturgia das Horas efetua-se a santificação do homem e presta-se culto a Deus, de tal maneira que nela se estabelece uma espécie de intercâmbio ou diálogo entre Deus e os homens pelo qual “Deus fala ao seu povo… e […]

Exercício da função sacerdotal de Cristo na Liturgia das Horas

Por meio da sua Igreja, Cristo exerce “a obra da redenção humana e da perfeita glorificação de Deus”(SC 5), no Espírito Santo. E isto, não somente na celebração da Eucaristia e na administração dos Sacramentos, mas também, e de preferência […]

Relação entre a Liturgia das Horas e a Eucaristia

A Liturgia das Horas estende pelas diversas horas do dia os louvores e ações de graças, como também a memória dos mistérios da salvação, as petições e aquele antegozo da glória celeste, contidos no mistério eucarístico, “centro e ápice de […]

A LITURGIA DAS HORAS

Consagração do tempo Cristo estabeleceu que “é preciso orar sempre e nunca desistir” (Lc 18,1). Por isso a Igreja, atendendo fielmente a essa exortação, jamais cessa de elevar suas preces, e nos exorta com estas palavras: “Por meio de Jesus, […]

Índole comunitária da oração

O exemplo e o preceito do Senhor e dos Apóstolos, de orar sempre e com insistência, não devem ser considerados como regra meramente legal, mas derivam da essência íntima da própria Igreja, que é comunidade e deve expressar seu caráter […]

Ação do Espírito Santo

Extraído da Instrução Geral sobre a Liturgia das Horas (n. 8) O Espírito Santo, que está em Cristo, em toda a Igreja e em cada um dos batizados é quem realiza a unidade da Igreja orante. O mesmo “Espírito vem […]
X